sábado, 22 de maio de 2010

As amigas

Quando uma amiga querida tem um diagnóstico de câncer as amigas correm para o médico. Umas tem certeza que também estão doentes, outras acham que não custa dar uma olhadinha. Sei que as minhas foram, algumas confessam, outras vão escondido. Mas nessa minha condição, tenho observado o comportamento delas. Existem vários tipos:
A desencanada – essa tem certeza que você vai ficar boa, não se impressiona com catéter, olha a careca na boa, fala de si. Muito útil para acompanhar em exames importantes, vai dar tudo certo mesmo.
A intensa – esta reza muito, faz tudo que está ao seu alcance, deve sofrer em casa, mas está sempre disposta a ajudar. Demonstra sempre seu amor e apesar de nervosa é muito útil para serviços gerais..
A tensa – essa é uma paixão, também sempre muito disposta a fazer... o que não pode. Exames importantes, lexotan embaixo da língua (dela). Também está sempre demonstrando seu amor. Muito útil para saber que alguém está sempre pensando em você.
A tensa que finge que não é tensa – Essa é pura alegria. Quer te levar para se divertir, fala pelos cotovelos, traz presentinhos, uma delícia. Longe, deve chorar horrores. Muito útil para fofocar e esquecer que está com câncer.
A que desaparece – essa não segura a onda. Por algum motivo forte que nem ela mesmo sabe,não dá atenção. Muito útil para quando tudo isso passar! Continuo amando.
Tem também aquelas que não estavam tão próximas e que agora tem as melhores intenções comigo. Amo.

11 comentários:

  1. Me reconheci na desencanada. acertei?

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Marcia! Com muita surpresa que entrei em seu blog, pois não imagina quantas vezes eu penso em você... sou dramaturgo e ano passado estive "ao seu lado" em cartaz no Teatro Leblon com a peça "Meu caro amigo", monólogo sobre uma fã de Chico Buarque. Você estava lá com Toc Toc. Não sei se vai lembrar, mas um dia tomei coragem e passei lá (muito envergonhado!) pra convidá-la a assistir minha peça. Sou seu fã desde a Neide Aparecida (e Subversões) e de lá pra cá acompanho seu trabalho com entusiasmo. E agora, que sou escritor profissional, vira e mexe me pego pensando: será que um dia ainda terei o privilégio de escrever um monólogo pra ela!? Estou nessa fila disputada para ser o seu próximo autor! Bem, comentário super íntimo aqui, mas me senti à vontade já que você também está compartilhando essa fase tão especial aqui no blog. Ainda não vi "Tango e bolero". Quem sabe não nos conhecemos ao vivo! Sempre me ressenti de não ter pego seu e-mail aquele dia no Teatro Leblon. Bem, é isso. Queria deixar meu depoimento com muito carinho pra você! Muita luz!!! Meu email é felipebarenco@uol.com.br. Estarei sempre aqui! Beijão!!!!!!! FELIPE BARENCO (www.felipebarenco.com.br)

    ResponderExcluir
  4. Acho que sou aquela que não era amiga, se tornou intima num fim de semana, torce e reza de longe e ta pronta pra uma faxina se preciso for. Beijos

    ResponderExcluir
  5. Márcia vc é sensacional!!!!Está escrevendo muito bem!!!! Quando tudo for passado faz uma peça com esse material, é um texto verdadeiro, do coração e muito diverido. Virou escritora!!!!Viva a força na peruca! Tenho certeza que tudo que vc tá passando, vai passar. TENHO CERTEZA. Bj Eliane

    ResponderExcluir
  6. AMO VC!!!!!!
    BEIJOS DA AMIGA
    TENSA QUE FINGE NAO SER TENSA
    HAHAHAHAHAHAH
    SENSACIONAL!!!
    SÁBADO TÔ AÍ!!!

    ResponderExcluir
  7. Márcia, peguei o link do seu blog no twitter da Ingrid Guimarães. Não vi sua capa da Contigo! e adoro banana amassada.
    Sou jornalista e li todos os seus posts em 15 minutos... pensei, refleti e digo que vc é gente como a gente e adoro e por isso figo que minhas orações terão um nome a mais, o seu. Beijos pra vc e Manuela...

    ResponderExcluir
  8. lol
    Oi Márcia, eu também tive amigas assim.
    Sabe tão bem:)
    jokas

    ResponderExcluir
  9. Eu sou um fã. Que está longe, porém com o pensamento positivo e orando por ti!!
    Vai dar tudo certo!!

    ResponderExcluir
  10. Ri muito com esse post
    Sou do tipo desencanada...
    Consegui perceber cada uma das amigas...

    ResponderExcluir